fbpx

3 maiores tendências de tecnologia automotiva para você aderir

A presença dos carros na rotina das pessoas e a maior exigência dos consumidores fazem com que os veículos estejam entre os principais alvos das tendências de tecnologia automotiva, e os motoristas são os que mais se beneficiam com as novidades.

Conhecer um pouco sobre as inovações é quase um pré-requisito para todo amante de carros. E quem sabe você poderá usufruir de algumas delas, não é? Decidimos apresentar ao longo do post algumas das principais tendências. Vamos lá?

1. Ignição sem chave

Se você pensa em comodidade na hora de sair com o carro, a ignição sem chave pode facilitar um pouco as coisas: o veículo identifica a aproximação da chave por radiofrequência. A transmissão é feita com as antenas do carro correspondendo ao sinal emitido pela chave.

Nesse caso, basta pressionar o botão de ignição. Aqui, também há a preocupação com a segurança — o código enviado é criptografado e atualizado regularmente. O grande ponto fraco é o fato da tecnologia exigir alguns cuidados.

Isso porque a ignição automática e os motores silenciosos fazem com que alguns motoristas simplesmente esqueçam de desligar o carro ao colocar na garagem. Logo, nesse caso, os riscos de intoxicação por monóxido de carbono aumentam.

2. Carros elétricos

Os carros elétricos já são conhecidos de boa parte dos fãs de automóveis, e isso não é por acaso. A ideia é amplamente incentivada por reduzir o consumo de combustível e a poluição ambiental provocada pelos motores tradicionais.

Existem alguns tipos diferentes de veículos que usam a tecnologia automotiva: os movidos puramente por eletricidade, que dispensam o uso de um motor comum, e os híbridos, que fazem uso tanto de motores elétricos quanto de combustão.

Embora os híbridos não dispensem totalmente os motores tradicionais, também trazem vantagens para o meio ambiente. Isso porque há a redução de CO2, o que contribui para diminuir o efeito estufa e o aquecimento global.

3. Banco antissono

O banco antissono é uma tecnologia mais experimental e menos difundida. A ideia é diminuir o risco de acidentes e manter os motoristas atentos para não dormirem no volante. Para isso, há um sistema que monitora o cansaço e antecipa o momento de pegar no sono. E como os motoristas são despertos? 

Aqui, há um conjunto de mecanismos de vibração, refrigeração e aquecimento. Os estímulos incentivam o estado de alerta e os assentos ainda podem contar com um algoritmo que avalia, com base em dados de ciclo biológico, os elementos de distração mais adequados.

As tendências de tecnologia vieram para ficar, e algumas dessas ideias são pensadas justamente para aumentar o conforto na hora de dirigir. Mas isso não se estende apenas aos componentes do carro.

Um exemplo é o TAG, um dispositivo voltado ao pagamento automático de pedágio. A ideia é ajudar a evitar filas, chegar mais rápido ao destino e dispensar notas e moedas. Sabe o mecanismo de radiofrequência que identifica a aproximação na ignição sem chave? Então, o leitor de pedágios funciona de forma parecida.

Tem amigos que são fãs de carros? Que tal deixá-los sabendo sobre as principais novidades e tendências da tecnologia automotiva? Aproveite e compartilhe este post nas suas redes sociais!

Gostou? Compartilhe este conteúdo!

Assine nossa newsletter e fique por dentro do universo dos pedágios.

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.